Planejamento Financeiro: isso pode mudar sua vida

Começando a planejar o futuro

Por Enio Willian

Quantos de nós já paramos por um minuto sequer para planejar seriamente sobre o nosso futuro ? É bem verdade que alguns já se conscientizaram dessa importante tarefa e compreenderam os benefícios que um bom planejamento pode trazer. Mas, o que ainda se observa na maioria dos brasileiros, é exatamente o oposto. Muitos têm dificuldades de reservar uma hora de suas vidas para pensar e planejar de forma séria sobre o próprio futuro. A situação é ainda mais preocupante quando falamos em planejamento financeiro. O livre acesso aos meios de comunicação e a facilidade de acesso à informação tem despertado muitos para esse assunto tão importante, mas um grande número de jovens e adultos nunca fez nenhum tipo de planejamento financeiro e isso representa vários perigos.

Neste texto, não é objetivo principal ensinar detalhadamente os passos de um bom planejamento. Pretendo fazê-lo numa outra oportunidade. O objetivo principal neste momento é abordar, de forma introdutória, a importância de se começar a pensar sobre o assunto.

Maximiano, em seu livro “Introdução à Administração” define planejamento como sendo a técnica ou o processo que serve para lidar com o futuro. O futuro é incerto (já afirmava Oscar Wilde), mas quando nos planejamos, estamos traçando algumas ações e caminhos que farão com que o futuro esteja a nosso favor. É preciso entender um fator importante: o futuro é inevitável e chegará para todos, para homens, mulheres, para aqueles que planejam e também para aqueles que nunca fizeram nada. A grande diferença consiste de que maneira iremos enfrentá-lo.

Existem dois grandes motivos que levam as pessoas a não planejarem suas vidas, principalmente na área financeira: a falta de conhecimento e falta de interesse. No passado, é mais provável que nossos avós não se atentaram para esse ponto por falta de informação sobre o assunto. Com a inflação alta e os preços dos produtos que subiam todos os dias, era quase que impossível se planejar em cenários assim. Hoje, com o avanço da tecnologia e com o aumento do fluxo de informações, a causa mais provável para a falta de planejamento por parte das pessoas está mais relacionada com o desinteresse mesmo decorrente dessa falta de hábito, embora muitos alegam a falta de tempo como principal motivo. Esse argumento não é válido porque o tempo é o mesmo para todos e alguns planejam suas vidas e outros não. A questão é falta de hábito e orientação mesmo. A verdade é que não somos educados para isso, salvo raras exceções, é claro.

Entretanto, é sempre bom lembrar que o rumo que damos ao nosso futuro depende, na maioria das vezes, das nossas escolhas hoje.

Afinal de contas, o que um planejamento pode fazer por você ?

Muito se fala sobre planejamento, mas o que ele pode fazer de real para as nossas vidas ? Na verdade, ele pode e deve ser aplicado em todas as áreas (seja na vida profissional, pessoal ou financeira). Nosso foco aqui é aplicá-lo nas finanças.

Um bom plano financeiro pode reduzir o tempo para a conquista de um sonho. Isso acontece porque passamos a concentrar nossos esforços em ações precisas. Nossas ações passam a ser direcionadas, tendo sempre um alvo como principal foco. Outro ponto importante é que ele nos ajuda a prevenir contra imprevistos. O certo é que, quando planejamos, estamos intervindo no futuro, isto é, estamos mudando o rumo da nossa história.

Quantas pessoas conhecemos que trabalharam uma vida inteira, ganharam dinheiro e hoje enfrentam dificuldades financeiras ? Quantas pessoas passou a maior parte do tempo correndo atrás do dinheiro, mas hoje, ao se aposentar, passam necessidades básicas ? A história poderia ter sido diferente se, desde jovens, elas tivessem recebido orientações sobre planejamento financeiro. Mas, se não podemos voltar atrás e começar um novo começo, podemos começar agora e construir um novo fim.

Por isso, gosto muito de um pensamento de um grande consultor financeiro chamado “Gustavo Cerbasi” que afirma que “um bom planejamento pode fazer por você mais do que 30 ou 40 anos de trabalho”.

Algumas observações importantes

Um bom planejamento pode fazer muito por nós e, como já dissemos, pode mudar o destino de uma pessoa. Porém, é importante ter em mente algumas verdades:

1.          Um planejamento não impede que imprevistos aconteçam, mas ele nos ajuda amenizar os seus impactos sobre o orçamento doméstico e sobre as nossas vidas;

2.          Um plano, por si só, nada pode fazer por nós. É necessário que ele seja implementado, ou seja, colocado em prática. É necessário ter disciplina e não abandoná-lo no meio do caminho;

3.          Um planejamento pode sofrer algumas mudanças de acordo com os objetivos de cada pessoa e de acordo com as mudanças do ambiente interno e externo. Em outras palavras, ele deve ter foco, mas precisa ser flexível quando necessário.

É importante não esquecer que Deus sempre desejou uma vida próspera ao homem. É prazer dEle que tenhamos uma vida feliz e repleta das bênçãos que Ele tem para nos dar. Uma das principais bênçãos Ele já nos deu: a inteligência.

Tudo o que precisamos fazer é usá-la da melhor maneira possível para planejar melhor a nossa vida. Afinal de contas, Deus também se agrada disso.

Um forte abraço a todos e até o próximo artigo.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: